Brasil, 18 de Agosto de 2022
31 de janeiro de 2020

Simone Tinelli: biossegurança e barbearia clássica na Hair Brasil

Sinome Tinelli: biossegurança e barberia clássica na Hair Brasil

Ela tem várias faces e se divide entre muitas funções: empresária, mãe, barbeira,  educadora, palestrante, embaixadora e beauty artist em programas de televisão. Mesmo com uma agenda lotada, Simone Tinelli, encontrou um espaço para encaixar um workshop especial para o público da Hair Brasil Premium 2020 e subirá ao palco no sábado, 22 de março, para falar sobre barbearia clássica e biossegurança.

"Estou muito honrada de estar junto com a Hair Brasil"

A vida agitada de Simone já tem anos. Desde que voltou da Holanda, onde aprendeu muito sobre o que sabe e o que ensina hoje sobre barbearia, ela encarou o desafio de montar o seu próprio negócio e, a partir daí, tornou-se gestora da Dona Barba, barbearia e escola de barbeiros, que funciona na Vila Mariana, em São Paulo.

Em sua trajetória, passou por grandes empresas do mercado de beleza como Catharine Hill, O Boticário e Natura, onde atuou como educadora, e BIOCIDE, marca de higienizadores de ferramentas para barbearias, salões e maquiadores – da qual é embaixadora. Além disso, é autora do livro “O Manual do Maquiador”, publicado pela Editora Viena.

Atualmente atua em seis emissoras de televisão - Record, SBT, Band, Multishow, GNT e MTV – e desenvolve trabalhos como beauty artist no mercado de filmes e fotos publicitárias para revistas de moda, beleza e celebridades.   

"Nada vem de graça, nada é fácil"

Batemos um papo com Simone para saber mais sobre seu trabalho atual, a conciliação de tantos papéis e a importância dos temas que apresentará na Hair Brasil 2020 para quem trabalha com barbearia.

Veja mais a seguir:

Sinome Tinelli: biossegurança e barberia clássica na Hair BrasilHB - Você atua em grandes redes de televisão. Como chegou lá?
Simone Tinelli -
Foi um grande sonho realizado. Na verdade, eu sempre quis ficar na frente das câmeras, mas como a vida me levou para outro caminho, acabei ficando atrás delas! Como já trabalhava com produtoras de publicidade, elas me indicaram para vários projetos. Uma vez dentro, acaba se fazendo inúmeros contatos.

HB - Como é o seu dia a dia nas emissoras?
Simone Tinelli
- Depende do programa. Mas, a maioria dos projetos é de longas diárias, ou seja, tem horário de entrada e não se tem muito uma hora para o término. Para mim, que presto serviço para as emissoras através de uma produtora, é desse modo que funciona, mas tem o pessoal que trabalha em sistema de CLT, onde trabalham em estúdios com horários pré-determinados. No meu caso, a maioria dos jobs é externo.

Sinome Tinelli: biossegurança e barberia clássica na Hair Brasil

HB - E você tem também barbearia e escola em São Paulo. Como construiu estes espaços?
Simone Tinelli -
Atualmente estou com uma unidade na Vila Mariana, onde funciona a escola também. Ter um empreendimento não é fácil! Nesses últimos três anos, aprendi muitas coisas sozinha em relação a gestão de negócios. A barbearia da Vila Mariana foi construída com dinheiro guardado e força de família, meus filhos e ex-marido. Nada vem de graça. Nada é fácil. Ganhei muito dinheiro, assim como perdi muito dinheiro fazendo gestões erradas. Não tenho vergonha de falar que falhei, mas tenho orgulho de saber que estou fazendo melhor do que antes.

HB - E como concilia a vida da TV com as barbearias e a escola?
Simone Tinelli -
Na verdade, é necessário ter foco e força de vontade, e uma equipe por de trás de você. Sozinho ninguém faz nada. Sou muito grata às pessoas que trabalham comigo, tanto nas makes como nas barbearias. Eu me desdobro e às vezes gostaria de ter clones!!!

HB - Você terá um workshop especial na Hair Brasil Premium. Pode nos contar um pouco sobre ele?
Simone Tinelli
- Estou muito honrada de estar junto com a Hair Brasil! Será um sonho realizado. Nesse workshop, passarei informações sobre biossegurança, assunto que poucas pessoas tocam, mas que é de extrema importância. Juntamente com esse tema tão polêmico dentro das barbearias, ensinarei a técnica que aprendi em Rotterdam, na Holanda.

"O profissional precisa saber de onde vêm os cortes"

Sinome Tinelli: biossegurança e barberia clássica na Hair Brasil

HB - A barbearia clássica nunca sai de moda, certo? Quais dicas daria para quem quer se aprimorar neste conceito?
Simone Tinelli -
A principal ideia é o profissional saber de onde vêm os cortes, afinal de contas, tudo tem seu início. Saber as origens, as datas e o porquê eram usados é importante até para construir uma imagem de seu cliente e ser um profissional diferenciado. Outra dica é fazer cursos com profissionais diversos e procurar escolas que ensinam os cortes clássicos, sempre. Hoje, o fade é muito usado, porém é apenas um corte dentro de vários que temos no portfólio dos clássicos.

HB - E a biossegurança? Como você descreveria a importância no trabalho dos barbeiros?
Simone Tinelli -
A biossegurança é um assunto que incomoda muita gente, principalmente os barbeiros. Todo mundo acha que para ser um barbeiro clássico, não precisa usar os EPIs (equipamentos de proteção individual), que consiste em luvas e máscaras descartáveis. Mas, lá atrás – nos séculos XIX e XX -, não havia tantas doenças. Então, é preciso tomar os devidos cuidados com os equipamentos e oferecer segurança aos clientes para que não haja contaminações cruzadas.

Sinome Tinelli: biossegurança e barberia clássica na Hair BrasilHB - Quem não pode perder o seu workshop?
Simone Tinelli -
Não só barbeiros devem assistir minha palestra, mas todos da área da beleza que se preocupam com a sua saúde e a dos clientes. E, claro, barbeiros e barbeiras de todo canto! Vamos fazer uma força juntos para um melhor e maior desenvolvimento.

HB - Você vê um futuro promissor para o segmento da barbearia no Brasil nos próximos anos?
Simone Tinelli -
O movimento da barbearia subiu muito rápido. Mas acho que ainda precisamos trabalhar muito para capacitar melhor os profissionais, fazendo com que eles estejam aptos para desenvolver novas técnicas e para que a qualidade de atendimento e a técnica sejam excelência e referência para o mundo todo.

"Juntos podemos alcançar um melhor e maior desenvolvimento para o segmento"

 

 
Mais notícias sobre Notícias da Feira | Voltar
ÁREA DO EXPOSITOR e MONTADOR
Usuário
Senha
Usuário
Senha