NOTÍCIAS [página inicial] [voltar]
21/03/2011


ABIHPEC participa da HAIR BRASIL para apoiar o crescimento da indústria profissional de beleza


João Carlos Basílio - presidente da ABIHPEC
Como o setor de cosméticos, produtos para higiene pessoal e perfumaria está comemorando o crescimento de 12,6% em 2010, a Associação Brasileira da Indústria de Higiene Pessoal, Perfumaria e Cosméticos (ABIHPEC) também estará presente na HAIR BRASIL 2011 – Feira Internacional de Beleza, Cabelos e Estética para apoiar o mercado e divulgar os mais recentes dados da Indústria profissional de beleza.
 
O presidente da ABIHPEC, João Carlos Basílio, afirmou que participar da HAIR BRASIL é muito importante, principalmente neste momento em que o setor tem demonstrado franco crescimento. Segundo ele, em 2010 o mercado registrou um faturamento Ex-Factury (saído de fábrica sem a adição de impostos sobre as vendas) de R$ 27,5 bilhões que atingiu os 12,6% a mais que em 2009 quando o pico foi de R$ 24,4 bilhões. “Uma das principais razões para este crescimento, além da modernização do parque industrial, do investimento em marketing e inovação tecnológica por parte das indústrias, foi a democratização do consumo de produtos de beleza e higiene pessoal nas classes D e E”, disse Basílio.

De acordo com Basílio, essa esfera da sociedade duplicou o consumo de produtos essenciais para o bem-estar da pele e cosméticos em geral. “E foi esse aumento de hábitos saudáveis de higiene e bem-estar também fizeram com que as exportações crescessem em 17,8% em 2010, chegando a US$ 693 milhões. As importações desses produtos do Brasil também se ampliaram atingindo US$ 696 milhões contra US$ 456 milhões em 2009 (aumento de 52,6%)”.

Expectativas para 2011

A projeção da ABIHPEC para este ano é muito positiva e aponta para este ano que as indústrias faturem R$ 31,12 bilhões, um crescimento de 13,2% comparado com 2010. E a associação divulga que conforme o Euromonitor essa projeção é que até em 2013 o consumo per capita de produtos de higiene pessoal, perfumaria e cosméticos atinja US$ 178. A direção da ABIHPEC divulgou também que este consumo per capita previsto para 2013 é três vezes maior que a médica mundial e o maior entre os BRIC´s, o conjunto de países formado por Brasil, Rússia, índia e China.



envie este texto
para um amigo
versão para impressão